A Segunda Redemocratização

 

Após os grandes movimentos populares, conhecidos como Diretas Já, os militares entregaram o poder aos civis. O Brasil seguia rumo a uma hiperinflação, com imensa dívida externa.

1985 – Em eleição indireta, Tancredo Neves tornou-se o Presidente eleito, mas morreu antes de tomar posse. Assumiu o Vice-Presidente José Sarney.

1988 – A Assembleia Nacional Constituinte promulgou uma nova Constituição.

1990 - Fernando Collor de Mello foi eleito Presidente, nas primeiras eleições diretas após o Regime Militar.

1992 – Acusado por corrupção, o Presidente foi afastado por impeachment. Assumiu o Vice-Presidente Itamar Franco, em 29 de dezembro.

1994 - A hiperinflação era mais de 40% ao mês. O clima econômico era de desespero. O Plano Real, lançado em março, estabilizou a economia, após o entendimento do conceito de inflação inercial. O Real, a nova moeda brasileira, entrou em vigor em 1º de julho. Mais: Economia

1995 - Em 1º de janeiro, Fernando Henrique Cardoso (FHC) assumiu a Presidência. Várias empresas estatais foram privatizadas.

1998 – Fernando Henrique Cardoso foi reeleito.

No fim do século 20, o Brasil tinha 170 milhões de habitantes. Em 2014, são mais de 200 milhões.

 

Copyright © Guia Geográfico - Brasil no Século XX, Diretas Já.

 

O Deputado Ulysses Guimarães, Presidente da Assembleia Nacional Constituinte, apresenta a Constituição promulgada em 1988.

 

Teotônio Vilela, o Menestrel das Alagoas, em charge do livro do Henfil. O senador alagoano foi um dos principais políticos na luta pela redemocratização do País. Faleceu em 1983, em plena campanha das Diretas Já.

 

Bandeira Brasil

 

Constituição

 

Mapa Brasil

 

Diretas Ja

 

◄ Ditadura Militar (assunto anterior)

◄ Brasil no Século 20

 

O Brasil no Século 20

 

Historia Brasil

 

 

 

Historia do Brasil

 

 

 

 

 

 

A Segunda Redemocratização

 

 

 

Divulgação